A Raiz Quadrada na Arte da Geometria Sagrada: Alguns Exemplos Históricos

Geometria Sagrada 01
Geometria Sagrada 01
Geometria Sagrada 01
Geometria Sagrada 01
Apresentaremos a seguir figuras e conceitos da geometria sagrada, considerados mais importantes nas construções desde o antigo Egito.

Este é um resumo, texto completo no aquivo PDF. Download no final desta página.

José Freitas
Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN
[email protected]

Kaline Santos
Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN
[email protected]

Wanielle Cirino
Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN
[email protected]

 

Resumo:

Este trabalho tem por finalidade apresentar algumas práticas referentes às representações geométricas da raiz quadrada na geometria concretizadas em obras sagradas. Nossa proposito é chamar a atenção para o potencial matemático dessas práticas com vistas a propor algumas atividades para o ensino de geometria e números irracionais no ensino fundamental e médio, tomando como ponto de partida a leitura matemática de imagens geométricas.

Palavras-chave: Arte. Geometria. Obra Sagrada.

 

 

  • INTRODUÇÃO

A geometria tem um papel decisivo na aprendizagem sobre a exploração do espaço na formação de estudantes do ensino fundamental visando a compreensão, descrição e representação de formas e medidas que lhe são apresentadas direta ou indiretamente no mundo em que vive. O presente trabalho tem como objetivo apresentar algumas práticas referentes às representações geométricas da raiz quadrada na geometria materializadas em obras sagradas.

Nossa intenção é apontar o potencial matemático dessas práticas com vistas a propor algumas atividades para o ensino de geometria e números irracionais no ensino fundamental e médio, tomando como ponto de partida a leitura matemática de imagens geométricas. Neste sentido, a História da geometria e sua relação com a arte sagrada pode ser aliada do professor para enriquecer sua abordagem didática uma vez que incluir essa história no ensino poderá tornar as aulas de matemática mais dinâmicas para os alunos e assim colaborar para aprendizagem do conteúdo matemático.

No decorrer deste artigo, mostramos quão intrínseco é a relação entre as artes do espaço (arquitetura, pintura e escultura) e a geometria, a partir da técnica de leitura de imagem. Dessa forma, pretendemos minimizar as dificuldades conceituais dos alunos, ao explorar a visualização e construção dos conceitos geométricos a partir das obras sagradas.

Para concretizar as nossas considerações acerca da problemática proposta tomamos como foco principal de exploração, as obras de autores como Lawlor (1996); Doczi (1990); em virtude de seus trabalhos tratarem diretamente das relações entre matemática (geometria), arte, arquitetura e o sagrado. Assim nossa investigação contempla um pouco de práticas que têm a matemática como parâmetro de leitura e linguagem para exploração, explicação e interpretação das múltiplas formas de olhar e criar o mundo.

 

  • 2. A RAIZ QUADRADA NA GEOMETRIA DA ARTE SAGRADA: ALGUNS FRAGMENTOS HISTÓRICOS

Quando falamos de raízes de quadrados ou de raízes de cubos estamos utilizando uma designação muito antiga que associa esta função matemática com a raiz vegetal.

Tanto a raiz de uma planta, como a raiz matemática são causais: a primeira no interior da terra e a segunda no interior do quadrado. O crescimento visível da planta depende da raiz para sua estabilidade e nutrição.

Já a raiz geométrica é uma expressão arquetípica de função assimilativa, geradora e transformadora.

Ampliaremos o enfoque dos simples e incomensuráveis poderes da raiz como metáforas geométricas do momento suprarracional da transformação, incluindo não apenas a raiz de dois, mas também a raiz de três e a demonstração de Teon, tal como se vem fazendo em todas as tradições conhecidas da geometria sagrada.

 

  • 3. CONCEITOS BÁSICOS DA GEOMETRIA SAGRADA

Considerando que o artigo tratará das representações geométricas da raiz quadrada na geometria materializada em obras sagradas. Apresentaremos a seguir as principais figuras e conceitos da geometria sagrada, considerados mais importantes nas construções desde o antigo Egito.

 

  • 4. CONSIDERAÇÕES FINAIS: POSSIBILIDADES DIDÁTICAS DO TEMA

Dos Sumérios os egípcios e os gregos adquirem o conhecimento da geometria sagrada e evidenciam esse conhecimento nos projetos de seus templos, edifícios e artefatos, que apresentam os princípios de proporção harmônica através de cânones bem definidos.

Geometria e Arte eram ensinadas juntas, percebe-se que hoje está havendo um esforço por parte de alguns educadores por meio da interdisciplinaridade para que tal processo volte a ocorrer, em prol de um estudo que favoreça a aprendizagem aos alunos da educação básica.

A Geometria Sagrada contribui para a correta decodificação da realidade, permitindo o entendimento e a compreensão dos acontecimentos, eventos que envolvam conteúdos relacionados à geometria, sempre que possível permeando estas com as sugestões aqui apresentadas.

Associar arte e geometria pode ser uma forma estimulante de se apropriar dos conhecimentos específicos de cada área, além de ajudar a recordar nossas origens e participação dentro do plano aqui no planeta Terra, neste processo atual de despertar de consciência. Permite vincular num só propósito e numa só origem comum a toda a criação.

Gostou? Compartilhe!

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest
Share on twitter
Twitter
Treze

Treze

'.13

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Matérias Relacionadas

Livro Volume 2 – Download
Livro o Antigo Segredo da Flor da Vida Vol 1 PDF Download
Neste Livro em PDF para download: A Flor da Vida. A Geometria Sagrada e a Proporção Áurea, Cabala, Número e Ângulo de Ouro.
Um fluxo ilimitado, uma maneira de explicar a mudança ou a existência. A música é a nossa nave espacial para explorar o tempo.